[Politica]

Ads Top

Assembleia de Deus é suspeita de Lavar dinheiro para Cunha e cai nas mãos de Moro

Muita gente acredita que as investigações da Operação Lava Jato deram um tempo com o afastamento da presidente Dilma Rousseff. Pelo contrário, a apuração comandada pelo juiz federal Sérgio Moro, que investiga o desvio de dinheiro da maior estatal brasileira, a Petrobras, segue a todo vapor. De acordo com informações do jornal carioca 'O Dia' em reportagem publicada nesta sexta-feira, 13, quem entrou na mira da Lava Jato foi a Assembleia de Deus Ministério Madureira. Não só ela, como o seu pastor presidente, o polêmico Samuel Cássio Ferreira. Nesta quinta-feira, 12, o Supremo Tribunal Federal (STF) decidiu manter a decisão de Teori Zavascki, Ministro da mais alta corte do país, que decidiu enviar para Sérgio Moro as denúncias contra Eduardo Cunha (PMDB do Rio de Janeiro) por suposta lavagem de dinheiro com a ajuda da igreja evangélica. 
Além da própria igreja, quem teria ajudado no esquema é o seu pastor presidente. O supremo não aceitou a defesa do religioso, que dizia que o caso deveria ser julgado pelo Tribunal de São Paulo, já que a sede da Assembleia de Deus fica localizada na maior cidade do país. O julgamento, assim como as investigações, serão feitos pela justiça de Curitiba e por Sérgio Moro. Essa é apenas uma das denúncias contra o deputado federal Eduardo Cunha e já tinha sido aceita pelo Supremo ainda no ano passado. O parlamentar é acusado de lavar dinheiro e de ter cometido corrupção passiva, quando uma pessoa aceita receber dinheiro para praticar um ato ilegal ou que deveria ser feito de forma gratuita à população. 
A denúncia, assim como todas contra quem tem foro privilegiado, partiu da Procuradoria-Geral da República. A suspeita é que a Igreja tenha ajudado Cunha a lavar cerca de cinco milhões de dólares. O dinheiro seria ganho por propina na contratação de navios para a Petrobrás. Por isso, o caso é investigado também pela Lava Jato. Lembrando que nesta quinta-feira, Eduardo usou o seu Twitter para sacanear o afastamento da presidente Dilma Rousseff. "Antes tarde do que nunca", publicou ele no microblog de 140 caracteres. 
publicidade
Assembleia de Deus é suspeita de Lavar dinheiro para Cunha e cai nas mãos de Moro Assembleia de Deus é suspeita de Lavar dinheiro para Cunha e cai nas mãos de Moro Reviewed by Ze Felipe on 11:39:00 AM Rating: 5