[Politica]

Delcídio reconhece erro mas diz que agiu a mando de Lula

Após faltar cinco vezes ao Conselho de Ética e sem se manifestar desde a sua prisão, em dezembro, o senador Delcídio do Amaral (sem partido- MS) esteve nesta segunda-feira (9) na Comissão de Constituição e Justiça do Senado para se defender. Está marcada para hoje a votação do relatório do senador Ricardo Ferraço (PSDB-ES) favorável à decisão do Conselho de Ética e Decoro Parlamentar pela cassação do mandato de Delcídio.
— Peço desculpas e errei, mas agi a mando.
Na sua delação premiada, Delcídio do Amaral disse que agiu a mando do ex-presidente Lula e implicou também a presidente Dilma.
Com voz embargada e lágrimas nos olhos, Delcídio pediu desculpas à família e disse que suas filhas foram vítimas de bullying. Defendeu ainda seu chefe de gabinete e seu assessor de imprensa, que foram exonerados, injustamente, segundo o senador.
O senador argumentou que seu processo foi mais célere do que o habitual no Senado e disse ainda que a sua defesa não teve acesso aos autos ou a um aditamento na semana passada.
— Meu processo foi aditado na semana passada. Nós não tivemos acesso nem ao processo inicial e nem ao aditamento apesar dos esforços dos meus advogados. Esse processo foi célere, nós não tivemos tempo de ter acesso aos autos, às gravações. Não se conduz alguém a um processo de cassação sem ter acesso aos autos. Estou aqui [no Senado] há treze anos e nunca vi tanta celeridade.
Delcídio reconhece erro mas diz que agiu a mando de Lula Delcídio reconhece erro mas diz que agiu a mando de Lula Reviewed by Ze Felipe on 6:44:00 PM Rating: 5