[Politica]

Ads Top

Aécio diz que Calero ter gravado Temer foi grave e antiético, além da demissão de Geddel ter contribuido para o governo


O presidente nacional do PSDB, senador Aécio Neves (MG), criticou nesta sexta-feira (25) o fato de o ex-ministro da Cultura Marcelo Calero ter gravado conversas com o presidente Michel Temer e outras autoridades do governo. O tucano avaliou o ato como “extremamente grave”.
publicidade


Na manhã desta sexta, o ministro da Secretaria de Governo, Geddel Vieira Lima, pediu demissão. Calero acusa Geddel, e outros membros do governo, de terem feito pressões para que um órgão do ministério da Cultura liberasse as obras de um prédio em Salvador, onde o agora ex-ministro havia comprado um apartamento na planta.

O ex-ministro da Cultura prestou depoimento à Polícia Federal e informou que gravou conversas que teve com outros ministros e até com Michel Temer. Ele afirma que, nessa conversa, ele foi "enquadrado" pelo presidente da República em favor dos interesses de Geddel para liberar a obra em Salvador.

“Há algo extremamente grave que também precisa ser investigado”, afirmou Aécio. “Não acho adequado, não acho compreensível que um ministro de estado entre com um gravador para gravar uma conversa com o presidente da república. Não me parece algo ético”, completou.

Sobre a demissão de Geddel, o senador afirmou que a decisão contribui para o governo. “É uma decisão que permite que aquilo que é essencial tenha prioridade. O que é essencial é que o Brasil faça as reformas, volte a crescer”, afirmou, ao defender que é preciso sair “dessa agenda lateral”.

As afirmações foram feitas em entrevista durante evento na Câmara dos Deputados que reuniu prefeitos e dirigentes do PSDB.

Via: G1

publicidade
Aécio diz que Calero ter gravado Temer foi grave e antiético, além da demissão de Geddel ter contribuido para o governo Aécio diz que Calero ter gravado Temer foi grave e antiético, além da demissão de Geddel ter contribuido para o governo Reviewed by Ze Felipe on 12:01:00 PM Rating: 5