[Politica]

Roberto Jefferson defende que Lula não seja preso e diz que chegou a hora da Lava Jato acabar para o país andar em frente


Depois de uma temporada preso e uma luta feroz contra um câncer no pâncreas, o ex-deputado federal Roberto Jefferson (PTB) prepara o retorno à cena política. Decidiu disputar uma vaga na Câmara dos Deputados no ano que vem - resta saber se pelo Rio de Janeiro, seu estado de origem, ou São Paulo. 
publicidade


Condenado por corrupção no mensalão, ele aguarda apenas a decisão da sua filha, a deputada Cristiane Brasil, que estuda se candidatar ao Palácio Guanabara. Aos 63 anos, Jefferson recebeu VEJA para uma conversa em seu escritório no Rio: opinou sobre a operação Lava-Jato, desafiou Lula a ser candidato em 2018 e admitiu que o bloco do Centrão usou métodos ilegais para derrubar o PT do poder.

Abaixo um trecho da entrevista:

VEJA - Acha que Lula também tentará voltar a disputar eleições? 

Roberto Jefferson - Torço para que tente de novo o Planalto. Esta sim será a grande sentença moral que ele irá receber: a derrota nas urnas. Vai valer muito mais do que um mandado de prisão expedido pelo Moro. Contra uma decisão judicial, Lula poderá sempre dizer que é vítima. A cara de pau para inventar discursos é imensa. Já ouvi recentemente que o Moro estava trabalhando para a CIA e que a Dona Marisa foi assassinada.

VEJA - Na época do mensalão, o senhor dizia que Lula era inocente... 

Roberto Jefferson - É verdade. Na CPI, falei: “Sai daí Zé, antes que faça culpado um homem inocente”. Hoje é diferente, são muitas as evidências: apartamento no Guarujá, sítio em Atibaia e o enriquecimento dos filhos. Mesmo assim, o Moro precisa ser inteligente e não prendê-lo. Lula precisa ouvir um basta da sociedade.

VEJA - Até onde vai a operação Lava-Jato? 

Roberto Jefferson - Para o bem dela, acho que está na hora de parar de inventar. É hora de fechar o pacote, senão vira uma guerra napoleônica. Chega de aceitar novas delações. O país tem que andar para frente.

Clique aqui para ler a entrevista completa

Roberto Jefferson defende que Lula não seja preso e diz que chegou a hora da Lava Jato acabar para o país andar em frente Roberto Jefferson defende que Lula não seja preso e diz que chegou a hora da Lava Jato acabar para o país andar em frente Reviewed by Ze Felipe on 7:51:00 PM Rating: 5